04 dezembro 2005

E os últimos parabéns vão para ...

O meu blog cumpre hoje o seu 365º dia (sobre isso escreverei amanhã) e portanto não faz sentido voltar a repetir pedaços de histórias que tenham ocorrido com determinadas pessoas. Os primeiros aniversariantes tiveram mais tempo de antena, resultante da febre inicial do blog, outros que foram apenas mencionados e outros esquecidos, mas sem propósito. Outra coisa que aconteceu foi ao longo deste ano, e à medida que o tempo passava as palavras começavam a escassear, muito se começava a repetir. Daí ter decidido, acabar com os parabéns (pode haver sempre uma outra excepção, depende da circunstância), mas em princípio o Luís Lopes e o Pitas serão os últimos contemplados.

Luís Lopes

29 de Novembro - É um artista português. Ainda hoje, me pergunto o que andavas a fazer em Bioquímica quando és um predestinado para o desenho (vejam o site dele - carreguem em cima do nome). Desenhavas o nosso professor de Cálculo, Sarrico sempre com a sua camisa cheia de números , para meia faculdade, ele era batas, ele era quadro, deixava a tua marca por todo o lado. Se tivesses menos 10 anos punhas-te aí a fazer grafitis do velho Sarrico. Tu não tiveste olho para o negócio, senão a esta hora estavas rico. Por acaso nunca tive uma bata com um desenho teu, apenas terei ficado com uns esboços de uns desenhos nos cadernos, mas aonde isso já vai. De facto os teus desenhos são valiosos mas a tua amizade ainda é mais, e nisso orgulho-me em ter-te como amigo.

Pitas

4 de Dezembro - Outro bioquímico, outro emigrante, este de Itália. E por lá vai ficar. Fazes hoje 30 anos e deves estar a atravessar o melhor momento da tua vida numa terra que agora também é tua.
Se não eras o mais eras um dos mais novos do curso mas foste também o primeiro a despachar-te, a acabar o doutoramento e a iniciar o pós-doc. Apenas fez de ti um aluno aplicado, não um baldas como outros que escrevem blogs, até porque levaste a tua vida académica como outro aluno, só que sabias os limites.
Agora que estás por Itália ando eu por sítios que tu bem conheces enquanto aluno, pois é sou professor na escola onde estudaste. Pode ser que se deres um saltinho até Lisboa ainda antes do fim do ano lectivo me apanhes no local do crime.

2 Comments:

Anonymous Luís said...

obrigado pelos parabéns, GRANDE Diogo. E mais uma vez obrigado por teres ido ao meu casório. Fiquei mesmo contente de te ver por lá.
OBRIGADO.

10:20 da manhã  
Anonymous vitor said...

Obrigadão Diogo!

Pois é! já lá vão 30 anos desde que espreitei pela "janela" e vi o mundo!
Já la vão 15 anos e algns meses desde que pus os pés no Filipa que tu agora tão bem conheces! Outros tempos!
Já lá vão 12 anos e alguns meses que entrámos pelas portas da politécnica! (grande ideia, o blog. em breve contribuirei).
E por fim, já lá vão alguns dias que dei o nó com Itália! um grande passo em frente!
grande abraço

2:46 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home